REFORMA COMERCIAL – TROCA DE ÓLEO

§

FICHA TÉCNICA


Área total: 80  m²

Local: Al. Araguaia – São Paulo

Projeto: Cassim Calazans Arquitetura e Interiores

READEQUAÇÃO COMERCIAL E TÉCNICA 

O objetivo principal deste projeto comercial, troca de óleo de um posto de gasolina chamado Rio Negro localizado em Alphaville na cidade de Barueri, era readequar as necessidades de um novo propósito para o seu negócio aumentando o seu espaço de atendimento para assim ter um fluxo maior de clientes por hora atendida e ter um depósito de produtos maior para aumentar as suas vendas instantâneas.

Desta forma retiramos o elevador de automóveis existente, comuns nesse tipo de negócio mas muitas vezes nada prático, e então criamos um subsolo onde a laje possui dois rasgos para acesso aos carros, tendo a função de uma espécie de valeta. Este subsolo também guarda estoque e outros acessórios técnicos, no caso deles obtinham um espaço grande mas o elevador ocupava a maior parte dele e atendia apenas um automóvel por vez, na alteração projetamos a possibilidade de atender dois automóveis por vez.

O novo espaço ainda conta com armário para exposição e armazenamento de produtos, onde portas de correr em alumínio na cor preta e vidros incolor incluindo prateleiras pretas com iluminação dão destaque e trazem desgn moderno e industrial, local de espera para o cliente, tanque de manuseamento de pneus para reparos.

A marcenaria funcional na área de espera do cliente ao lado do banco em cimento queimado azul obtêm diversos papeis dentro do espaço, abrigar itens de suprimento como água e café para os clientes se servirem, armário para guardar acessórios de uso para esses suprimentos e computador para o caixa.

Televisores, para propagandas e distração dos clientes, e quadros de preços ficam sobre parede de cimento queimado na cor cinza. Os espelhos acima do armário de produtos é para que os clientes possam ter visão dos funcionários mexendo em seu veículo.

Trilhos pretos com spots de par 20 junto à arandelas tartaruga iluminam e dão charme arrojado, foram instalados embaixo da cobertura retrátil que se abre por inteiro, esta que foi uma exigências de órgãos responsáveis pelas construções neste bairro.

Fotos do projeto em processo de execução