RETROFIT JEQUITI

§

FICHA TÉCNICA


Área total:  1.500 m²

Local: Osasco – São Paulo

Projeto: Cassim Calazans Arquitetura e Interiores

Execução: Maikot Construções

Status: Ainda está em execução

NOVA IDENTIDADE VISUAL PARA O CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO

A empresa de cosméticos brasileira Jequiti do Grupo Silvio Santos, reformulou toda a sua marca e junto a isso resolver revitalizar toda a fachada e parte interna do edifício onde está localizada seu Centro de Distribuição de Produtos, lá permanecem as áreas administrativas, laboratório e galpão de produtos. A fachada já estava bem degradada, mas possuía elementos importantes de sua arquitetura original.

Um dos primeiros pontos a serem introduzidos à edificação era o reforço e identidade da marca e seu novo conceito em conjunto com a arquitetura. O novo conceito é de aproximar o mundo dos cosméticos ao o mundo do entretenimento (studios de TV e glamour).

ilustra-studios-ambar-terrosodia

PROJETO DE ARQUITETURA

Na parte da fachada principal onde se encontram as portas das docas resolvemos separá- las horizontalmente em duas partes distribuindo melhor as cores e a introdução da marca.

Sendo assim, combinamos na parte de cima pintura com cor alegre mais a marca, letras JEQUITI em acrílico leitoso com iluminação interna, e na parte debaixo onde os círculos e as numerações das docas pintadas remetem aos antigos stúdios de televisão, sugerimos uma cor escura no elemento inteiro e o branco que destaca os números e os círculos apenas, brises e cobertura fazem parte desse elemento inferior.

ilustra-studios-01-luz

ACESSOS E PARTICULARIDADES

Os acessos de carros e pedestres eram bem mal direcionados e nada funcionais para o andamento empresa, redistribuímos todos os fluxos e inserimos uma nova guarita com cobertura ao centro desses acessos, entradas e saídas, criamos áreas verdes e também uma pequena praça seca no caminho da entrada de pedestres.

A cobertura tem função pratica e visual, protege da chuva e do sol as pessoas e os automóveis em uma possível espera ou revisita. Com estrutura toda em metálica e revestida em alguns pontos com um material que imita um tijolo natural onde a intenção do projeto era trazer um ar de contemporaneidade a edificação.

O revestimento que remete o tijolo natural também foi usado em outros elementos para fazer uma composição e valorizar os recortes que o prédio original possuí, mantendo totalmente esse visual fabril.